Find the latest bookmaker offers available across all uk gambling sites www.bets.zone Read the reviews and compare sites to quickly discover the perfect account for you.
quarta-feira , 23 janeiro 2019
Notícias de Última Hora
karabuk bayan escort kastamonu bayan escort burdur bayan escort kirikkale bayan escort nigde bayan escort aksaray escort amasya escort erzurum escort bartin escort batman escort
Home / Notícias / Política / Decreto de Reinaldo Azambuja torna MS o 4º estado a modernizar ciência, tecnologia e inovação

Decreto de Reinaldo Azambuja torna MS o 4º estado a modernizar ciência, tecnologia e inovação

Campo Grande (MS) – Mato Grosso do Sul se tornou nesta quinta-feira (13.12) o quarto estado brasileiro a regulamentar o Marco Legal da Ciência, Tecnologia e Inovação. Decreto assinado pelo governador Reinaldo Azambuja desburocratiza atividades de pesquisa no Estado, integra instituições científicas e tecnológicas e incentiva pesquisadores. Além de MS, apenas os estados de Minas Gerais, Paraná e São Paulo já regulamentaram o Marco Legal.

Com a medida, o foco deixa de ser o processo da pesquisa e passa a ser o resultado – o que desburocratiza o segmento. Na prática, pesquisadores passarão a ser avaliadas pelo resultado do trabalho, e não pelo processo administrativo. A explicação é do secretário de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck.

“Em vez de avaliar se um pesquisador entregou uma nota fiscal, será avaliado primeiro a área científica, o resultado da pesquisa. Se alguém propôs desenvolver uma nova variedade de soja, nós vamos avaliar se ele desenvolveu uma nova  variedade de soja para depois olhar a documentação prevista. Isso cria resultado”, explicou.

Para Reinaldo Azambuja, a medida representa avanço tecnológico para o Estado. “Estamos modernizando a Ciência, Tecnologia e Inovação. É uma ferramenta de desenvolvimento para Mato Grosso do Sul”, afirmou. “O decreto facilita principalmente entrega do produto final do pesquisador e dá agilidade aos processos, estimulando a ciência, a tecnologia e a inovação”, emendou.

A regulamentação ainda simplifica a celebração de convênios para pesquisa pública; facilita a internacionalização de instituições científicas e tecnológicas; e aumenta a interação entre elas e a iniciativa privada.

Participaram do ato de assinatura do decreto que regulamenta o Marco Legal da Ciência, Tecnologia e Inovação de Mato Grosso do Sul o diretor-presidente da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia de MS (Fundect), Márcio de Araújo Pereira; reitor da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (Uems), Fábio Edir dos Santos; reitor da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Marcelo Turine; reitor do Institito Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS), Luiz Simão Stasczak; pró-reitor da Anhanguera Uniderp, Alessandro Lewandowski; reitor da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), Padre Ricardo Carlos; reitora da Universidade da Grande Dourados (UFGD), Liane Maria Calarge; e representantes da Embrapa Pantanal, Embrapa Gado de Corte, Senai, Sebrae e Senar.

Bruno Chaves – Subsecretaria de Comunicação (Subcom)

Fotos: Chico Ribeiro

Sobre Ellen Karine Birck

Ellen Karine Birck
20 anos, apaixonada pela minha profissão. Com intuito de trazer notícias, informações, entretenimento e muito mais em primeira mão. Jornalismo com Seriedade!

Veja mais!

Governo financia programa que avalia eficiência de defensivos agrícolas da soja e milho

Termo de Outorga firmado nesta quarta-feira (16.01) pelo governador Reinaldo Azambuja durante a abertura da ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *