Find the latest bookmaker offers available across all uk gambling sites www.bets.zone Read the reviews and compare sites to quickly discover the perfect account for you.
domingo , 17 fevereiro 2019
Notícias de Última Hora
karabuk bayan escort kastamonu bayan escort burdur bayan escort kirikkale bayan escort nigde bayan escort aksaray escort amasya escort erzurum escort bartin escort batman escort
Home / Cidades / Enquanto 6 estados decretam calamidade, MS mantém investimentos e salários em dia

Enquanto 6 estados decretam calamidade, MS mantém investimentos e salários em dia

As medidas duras tomadas pelo Governo de Mato Grosso do Sul desde 2015 mantém o Estado em um grupo seleto dos que estão com salários em dia e mantém investimentos nas áreas prioritárias.

A realidade é muito diferente em outros estados brasileiros. Seis já declararam calamidade financeira porque gastam mais do que conseguem pagar. Outros três também estão pedindo socorro e querem aderir ao regime de recuperação fiscal, mas não se encaixam nas exigências do governo federal. O assunto foi destaque na noite de quinta-feira (18.1), no Jornal Nacional, da Rede Globo.

Para conseguir manter os compromissos e investir na prioridade das pessoas, o governador Reinaldo Azambuja decidiu fazer um corte profundo nos gastos com a própria máquina. Em 2014, o Governo do Estado chegou a ter 15 secretarias. Hoje, são apenas nove. É a menor estrutura administrativa do País.

O governador também enfrentou outras pautas impopulares como a reforma da previdência estadual e o ajuste dos impostos estaduais sobre supérfluos.

Saúde

As medidas permitiram ao Governo do Estado tocar o projeto de regionalização da saúde. Estão em construção os hospitais regionais de Três Lagoas e Dourados. O Hospital do Trauma, anexo à Santa Casa de Campo Grande, ficou pronto após 21 anos. Outras unidades receberam investimentos e equipamentos. Coxim e Naviraí ganharam núcleo de hemodiálise. E o Governo repassou recursos para a ampliação e reforma de hospitais como a Santa Casa de Corumbá. Isso tudo, sem falar na Caravana da Saúde, que realizou mais de 500 mil atendimentos e 60 mil cirurgias.

Segurança

Na área da segurança pública, o Governo Reinaldo Azambuja investiu mais de R$ 120 milhões por meio do programa MS Mais Seguro, com a aquisição de 740 viatura, coletes individuais, armas, munições e implantação de videomonitoramento, além de mais de 7 mil promoções, nomeações de delegados, realização de concursos e chamamento de novos policiais civis e militares e bombeiros militares.

É o maior investimento da história do Estado na segurança pública.

Esses investimentos conseguiram impedir a chegada da onda de violência que contaminou alguns estados. Mato Grosso do Sul registrou queda de 10% nos crimes em 2018, na relação com o ano anterior, de acordo com dados da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública).

Educação

Na área de educação, o governo fez melhorias em mais de 260 escolas, implantou unidades de ensino em tempo integral, matrícula 100% digital e o Mira Educação, que informa a ausência do aluno aos pais. O resultado foi a melhora na qualidade dos alunos das escolas estaduais em todas as etapas de ensino, conforme os números do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica).

Obras

Os investimentos em logística também foram fundamentais para a economia do Estado, permitindo o escoamento da produção. Em quatro anos, o Governo Reinaldo entregou mais pontes de concreto do que em toda história do Estado. Foram mais de 100.

Isso, sem falar nos investimentos em rodovias, além de ruas e avenidas asfaltadas e recapeadas, as mais de 26 mil casas garantidas e o maior investimento em saneamento da história.

Fonte: Portal do MS

Sobre Ellen Karine Birck

Ellen Karine Birck
20 anos, apaixonada pela minha profissão. Com intuito de trazer notícias, informações, entretenimento e muito mais em primeira mão. Jornalismo com Seriedade!

Veja mais!

Última hora: Bope prende três policiais rodoviários estaduais em Vista Alegre

Três policiais rodoviários estaduais foram presos no fim da manhã desta sexta-feira (15), em Vista ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *