Find the latest bookmaker offers available across all uk gambling sites www.bets.zone Read the reviews and compare sites to quickly discover the perfect account for you.
domingo , 17 fevereiro 2019
Notícias de Última Hora
karabuk bayan escort kastamonu bayan escort burdur bayan escort kirikkale bayan escort nigde bayan escort aksaray escort amasya escort erzurum escort bartin escort batman escort
Home / Notícias / Médica da Vale, escalada de última hora, é a primeira vítima identificada na tragédia de Brumadinho

Médica da Vale, escalada de última hora, é a primeira vítima identificada na tragédia de Brumadinho

Marcelle Porto Cangussu, 35 anos, é a primeira vítima fatal identificada, na tragédia do rompimento da barragem em Brumadinho, em Minas Gerais, nessa sexta (25). A moça atuava desde 2015 como médica do trabalho da empresa Vale. Ela havia sido escalada de última hora para atuar na empresa.

O corpo de Marcelle está no Instituto Médico-Legal (IML) de Belo Horizonte junto com outros quatro que já foram resgatados. A comoção da morte já toma conta da web, onde vários amigos e parentes prestam condolências. Ainda não há informações sobre o velório e o enterro da jovem. Marcelle tinha 35 anos, tornou-se médica do trabalho em 2015 e dedicava à carreira na Vale há 5 anos.

Cangussu era formada pela Universidade Federal de Minas Gerais e também trabalhava no Hospital Regional de Betim. Até o início da tarde deste sábado (26), havia nove mortes confirmadas e mais de 300 desaparecidos.

Nas redes sociais, a família de Marcelle confirmou a morte dela.

“Comunico o falecimento de minha filhinha Marcelle. Na tragédia de Brumadinho”, postou o pai da jovem, Rimarque Cangussu. Na mesma rede social, a irmã da vítima prestou homenagem para a médica.

“Nosso ‘passarinzim’ voou (…) O carinho que todos me conforta na distância mas o coração chora. Não vestirei luto. Para ela minha homenagem é vestir branco”, declarou a irmã Larissa Porto Cangussu.

Ônibus com corpos

O porta-voz do Corpo de Bombeiros em Minas Gerais, tenente Pedro Aihara, informou na manhã deste sábado (26) que a corporação localizou um ônibus com vários corpos. A quantidade, porém, ainda não foi revelada. Em entrevista coletiva, o militar também informou que 15 famílias ilhadas foram localizadas com vida próximo de Cachoeira.  “Estamos sobrevoando o local para retirada das vítimas.

A tragédia, que pode ser a maior registrada em Minas e no Brasil, aconteceu depois do rompimento da barragem Mina do Feijão, em Brumadinho, no início da tarde de sexta-feira (25). Na catástrofe, aproximadamente 13 milhões de metros cúbicos de rejeitos de minério de ferro foram derramados. Os sedimentos atingiram escritórios e refeitórios da Vale. A lama ainda devastou parte de mata na região e atingiu os leitos do Córrego do Feijão e do rio Paraopeba.

Fonte: Top mídia news

Sobre Ellen Karine Birck

Ellen Karine Birck
20 anos, apaixonada pela minha profissão. Com intuito de trazer notícias, informações, entretenimento e muito mais em primeira mão. Jornalismo com Seriedade!

Veja mais!

Última hora: Bope prende três policiais rodoviários estaduais em Vista Alegre

Três policiais rodoviários estaduais foram presos no fim da manhã desta sexta-feira (15), em Vista ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *