Alunos de Chapadão do Sul viram agentes mirins de trânsito e multam pais e responsáveis

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
10/05/2022
Redação

Uma das primeiras ações realizadas pela Prefeitura de Chapadão do Sul, através do Departamento Municipal de Trânsito, Demutran, está sendo realização de palestras e animações nas escolas municipais, estaduais e particulares, apresentando de forma lúdica como fazer um trânsito melhor, como maneira de fortalecer o Maio Amarelo.

Uma das inovações deste ano é o Mini Talão de Multas, que as crianças, e agora agentes mirins de trânsito, estão recebendo para aplicar multas morais em seus pais e responsáveis, que infringirem a leis de trânsitos.

Não mini talão estão previstas as seguintes infrações: Não desmontou a bike na faixa, pilotou sem capacete, levou criança no colo, não parou na faixa de pedestre, levou criança no banco da frente, dirigiu em alta velocidade, não usou o cinto de segurança, dirigiu falando ao celular, bebeu antes de dirigir, estacionou na calçada, ultrapassou pelo acostamento e parou sobre a faixa de pedestre. E o ponto positivo é que neste universo quem decide a penalidade e multa são as próprias crianças.

O diretor do Demutran, Pedro Lopes, comemora a grande adesão por parte das crianças que acabam sendo educadores dos seus pais no trânsito. “Essas crianças são o futuro de Chapadão do Sul e consequentemente os futuros motoristas de nossa cidade. Assim, com essas ações prática temos a certeza que estamos colaborando para o aprendizado de duas gerações: a que vai vir daqui alguns anos mais consciente e a atual que acaba sendo conscientizada diretamente pelas crianças”, finaliza.

Maio Amarelo

O Movimento Maio Amarelo vai explorar bastante a reflexão: Juntos Salvamos Vidas. Vai lembrar a sociedade, o recente desafio que a pandemia da Covid-19 nos trouxe: uma completa mudança de comportamento da noite para o dia.

De repente, nos trancafiamos dentro de casa, passamos a ter medo de nos encontrar com as pessoas mais próximas de toda nossa vida. Tivemos que abandonar os locais cotidianos como trabalho, escola, supermercado, salão de beleza, igreja e passar a cobrir o rosto e adotar o álcool em gel como adotamos o celular: ou seja, o tempo todo com ele.

Isto, porque entendemos a importância de cumprir certas regras para a nossa e a segurança de quem amamos. Então, em muito pouco tempo, aprendemos a fazer reuniões online, palestras online, dar aulas online, fazer compras online, ou seja, mudamos radicalmente nosso dia a dia para nos proteger. Será que, entendendo que o trânsito tem riscos e pode nos machucar seriamente, não conseguimos também passar a cumprir as regras e salvar vidas?

Esse será o grande desafio do Movimento para esse 9º ano de conscientização por um trânsito mais seguro: mostrar à sociedade que todos nós, independente do nosso ofício, podemos salvar vidas, conhecendo e cumprindo as regras. A partir do momento em que estou caminhando na calçada, procurando uma faixa para atravessar, esperando minha vez no semáforo, com toda atenção e cuidado, estou preservando não só a minha vida, mas como a de todos que ali estão comigo. E essa lógica vale para quem está de bicicleta, de motocicleta ou num carro de passeio ou num veículo grande.

Quer contar alguma coisa? Então conta pro Notícias MS !

Se você tem alguma informação importante e quer compartilhar, conta pra nós!

Conta aí meu Povo:
WhatsApp (67) 98448-9787

Redes Sociais:
https://www.facebook.com/notims
https://www.instagram.com/noticiasms/

O sigilo é garantido pela lei, envie denúncias, reclamações e sugestões.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Previous Next
Close
Test Caption
Test Description goes like this