Bolsa atleta, medalha olímpica e ginásio de primeiro mundo: esporte de MS vive momento histórico

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
13/10/2022
Redação

Da conquista de medalhas de ouro nos Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020 à instalação de 143 arenas esportivas em todos os municípios em 2022, Mato Grosso do Sul tem vivido momento histórico no esporte. O setor recebeu injeção de mais de R$ 120 milhões do Governo do Estado no pós-pandemia e o recurso tem colocado o Estado em posição de destaque.

Com ampliação dos programas que distribuem bolsas esportivas, o Estado atende 384 atletas e técnicos sul-mato-grossenses de várias modalidades, da base à elite. Os programas têm orçamento anual de R$ 4 milhões. Entre os beneficiados está o paratleta campo-grandense Yeltsin Jacques, representante do Brasil na Paralímpiada de Tóquio e dono de duas medalhas de ouro no Atletismo.


384 atletas e técnicos são atendidos com bolsas em MS (Foto: Saul Schramm)

Além do investimento no fator humano, o Estado aplica recursos na estruturação de praças esportivas. “Vamos deixar todas as cidades de Mato Grosso do Sul com ginásios para potencializar a prática do esporte. Antes de assumirmos o Governo, 76 municípios tinham ginásios e três não: Jaraguari, que já dei ordem de início de serviço; Itaquiraí, que tem convênio; e Maracaju, que já foi inaugurado. Também estamos reformando outros 26 ginásios”, afirma o governador Reinaldo Azambuja.

Para somar às estruturas de ginásios, 143 areninhas esportivas estão sendo instaladas em todos os 79 municípios do Estado. As praças esportivas são feitas com grama sintética, nos moldes dos estádios do Allianz Parque (São Paulo) e da Arena da Baixada (Curitiba), e servem para a prática de futebol society e basquete 3×3. Ainda estão na lista de ações do Estado a reforma do Estádio Morenão, a construção de duas pistas de atletismo (Ponta Porã e Chapadão do Sul) e uma de skate (Campo Grande), a edificação de uma piscina olímpica (Capital) e a realização de grandes eventos como o Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia, Rally dos Sertões e Eco Pantanal Extremo.

O Governo do Estado ainda tem investido em projetos de iniciação esportivas nas escolas estaduais para identificar talentos esportivos entre os alunos da rede. São mais de 1.200 projetos de 746 professores atendendo 36 mil alunos. Ao todo, são 24 modalidades esportivas ofertadas aos jovens, convencionais e paralímpicas, individuais e coletivas. O objetivo é encontrar talentos que possam representar Mato Grosso do Sul e o Brasil em competições internacionais.

Quer contar alguma coisa? Então conta pro Notícias MS !

Se você tem alguma informação importante e quer compartilhar, conta pra nós!

Conta aí meu Povo:
WhatsApp (67) 98448-9787

Redes Sociais:
https://www.facebook.com/notims
https://www.instagram.com/noticiasms/

O sigilo é garantido pela lei, envie denúncias, reclamações e sugestões.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp