Câmara de Maracaju aprovou por unanimidade FAC

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
24/06/2021
Redação
Chefe de Gabinete Cleo Wosniak, primeira dama Rosemeire Calderan, com a primeira dama Vânia Peluffo conhecendo as ações desenvolvidas pelo FAC em Ponta Porã. Foto: *Hosana de Lourdes

O Fundo de Apoio à Comunidade (FAC) é vinculado à Secretaria Municipal de Governo e tem como finalidade ações, programas e projetos sociais.

Aprovado na última sessão ordinária de Maracaju o Projeto de Lei 016/2021 de autoria do Poder Executivo, que  dispõe sobre a criação do Fundo de Apoio à Comunidade — FAC — e altera dispositivos da Lei  n.º1.430 de 15 de setembro de 2005 e Lei n.º1.981/2020 de 23 de julho de 2020.
O projeto teve o parecer das comissões com todos os votos favoráveis  e foi aprovado por  unanimidade.
O FAC já é existente em diversas cidades do Mato Grosso do Sul, visando incentivar instituições, pessoas físicas e jurídicas para doações de roupas e calçados, para que desenvolvam atividades sociais que proporcionem melhor qualidade de vida e exercício da cidadania, em sua plenitude, às famílias em situação de vulnerabilidade e exclusão sociais residentes nas cidades e seus respectivos distritos.
Com a aprovação do Fundo de Apoio à Comunidade, aprova-se também o regimento interno do Comitê Gestor, sendo este responsável pelas deliberações da aplicação dos recursos do FAC.
No FAC,  se destacam também, os programas e projetos que são desenvolvidos com a objetividade de qualificar as  potencialidades dos cidadãos em vulnerabilidade social, através da realização de cursos, palestras e oficinas que visam à capacitação profissional para inclusão no mercado de trabalho e aumento da renda doméstica, gerando ambiente propício à estruturação e independência econômica das famílias.
A primeira dama Rosemeire Calderan, esteve conhecendo de perto  o projeto desenvolvido em Ponta Porã.  No município vizinho a primeira dama Vânia Peluffo tem várias ações e projetos em andamento.
“Ficamos felizes de ver um trabalho, atuante  junto à rede sócio assistencial e entidades não governamentais de assistência, a fim de promover melhor qualidade de vida aos cidadãos em Ponta Porã, e penso eu que o que é bom pode ser copiado que podemos trazer para Maracaju e atender as pessoas que se encontrem em situação de vulnerabilidade e risco social, promovendo a inclusão social e elevando a qualidade de vida das Comunidades assistidas” disse Meire ao tudodoms.
Foto Hosana de Lourdes Primeira dama Rosemeire Calderan com a primeira dama Vânia Peluffo conhecendo as ações do FAC em Ponta Porã.
Com aprovação do FAC:
A primeira dama Rosemeire Calderan lembrou que a aprovação do projeto é um passo grande para assegurar a implementação e o desenvolvimento de programas, projetos e ações sociais junto à Comunidade maracajuense e entidades de assistência social, quer desenvolver no município ações que proporcione o bem estar coletivo e oportunizando atividades que promovam o desenvolvimento local junto às Comunidades carentes da capital, fornecendo autonomia e protagonismo dos indivíduos e famílias. “Um sonho que não vejo a hora de colocar a mão na massa e trabalhar junto da comunidade,” finalizou.
Hosana de Lurdes/Tudo do MS

Quer contar alguma coisa? Então conta pro Notícias MS !

Se você tem alguma informação importante e quer compartilhar, conta pra nós!

Conta aí meu Povo:
WhatsApp (67) 98448-9787

Redes Sociais:
https://www.facebook.com/notims
https://www.instagram.com/noticiasms/

O sigilo é garantido pela lei, envie denúncias, reclamações e sugestões.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp