Câmara destaca segurança necessária na volta as aulas presenciais em Maracaju

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
13/05/2021
Redação

O Presidente da Câmara vereador Robert Ziemann e os demais vereadores vem lembrando das preocupações dos pais e professores ao retorno das aulas presenciais da rede pública de ensino.

O vereador relembrou que muitos serviços essenciais e não essenciais na cidade estão funcionando normalmente com todas as restrições impostas pelos órgãos de controle.

Robert protocolou ofício destinado ao Secretário Municipal de Saúde Thiago Caminha e também ao Secretário Estadual de Saúde Geraldo Resende, em que pede um parecer de orientações sobre volta as aulas 2021 na modalidade presencial, de moda a garantir aprendizagem e considerando como sugestão à proteção e prevenção dos professores, gestores e alunos, com objetivo de evitar o aumento da reprovação e do abandono escolar, provocado pela pandemia.

Diante da complexidade e do cenário que enfrentamos, é necessário planejar ações para as mudanças educacionais e sociais frente a pandemia (COVID19), medidas necessitam ser adotadas, porém, esta construção precisa estar atrelada aos setores da saúde, assistência social e políticas públicas, é de extrema importância que a secretaria de saúde trabalhe de forma articulada com a sociedade civil. Esse é nosso intuito de apoiar a tomada de decisões das diferentes esferas do poder público, temos a   grande preocupação de garantir a segurança de todos os profissionais de educação que precisam estar e permanecer seguros em suas atividades, bem como os alunos nesse retorno as aulas presenciais”, disse Robert.

Secretaria de Educação diz que não há previsão para retorno das aulas

A secretaria de Educação que está se preparando para a retomada das aulas presenciais, no momento mantém as aulas, 100% remota e sem previsão para retorno presencial. Os possíveis formatos na volta presencial dos alunos com modelos mistos a serem seguidos:

– Apenas 50% de lotação das salas para todas as turmas.

– Turmas do 3° ao 9° ano com capacidade de 50% das lotações das salas de aula.

– Apenas 25% de lotação das salas.

– Turmas do 6° ao 9° ano com capacidade de apenas 50% nas salas de aula.

Ressalta-se que a educação especial se manterá ativa ao atendimento dos alunos com necessidades educacionais especiais de maneira presencial, respeitando todos os protocolos de biossegurança necessários para a reabertura das escolas.

O Município está investindo também investiu na aquisição de materiais de proteção, como máscaras, álcool em gel e demais EPI’s, tanto para alunos como para professores e servidores das escolas, garantindo a segurança de todos, quando o retorno for possível.  Importante destacar que os indicadores relacionados à covid-19 estão sendo analisados criteriosamente e serão utilizados para a tomada de decisão quanto ao retorno seguro dos estudantes, professores e demais servidores às unidades de ensino, disse ainda o Presidente da Casa.

Conforme a Assessoria Pedagógica “A Secretaria Municipal de Educação está se preparando e com planejamento para o retorno das atividades escolares e divulgará, no momento seguro e adequado, com todo suporte necessário aos pais e alunos”.

Quer contar alguma coisa? Então conta pro Notícias MS !

Se você tem alguma informação importante e quer compartilhar, conta pra nós!

Conta aí meu Povo:
WhatsApp (67) 98448-9787

Redes Sociais:
https://www.facebook.com/notims
https://www.instagram.com/noticiasms/

O sigilo é garantido pela lei, envie denúncias, reclamações e sugestões.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp