CCZ alerta para o aumento de notificações de dengue

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
29/03/2022
Redação

Os bairros mais afetados são os Altos do Indaiá e grande Flórida

Os agentes de vigilância em saúde do CCZ (Centro de Controle de Zoonozes) estiveram na manhã de hoje (29) na região do jardim Flórida vistoriando e conscientizando os moradores para reforçar os cuidados contra o mosquito aedes aegypti, causador de doenças como a dengue, chikungunya, zika vírus e febre amarela.

De janeiro até esta terça-feira, foram registrados 43 casos positivos da dengue, 36 negativos e 39 estão aguardando resultado de análise. Em Dourados, o vírus circulante no momento é o tipo 1 e as regiões mais afetadas são o Altos do Indaiá e grande Flórida.

Com um mês marcado por chuvas e queda de temperatura, o número de notificações dos casos tende a subir. Luiz Carlos Júnior, médico veterinário e coordenador do CCZ comentou sobre o período. “Tivemos um mês de março atípico, de março a maio era para chover 500mm e só em março já choveu em torno de 250mm. Isso favorece porque o aedes aegypti tem um ciclo muito rápido, em 7 dias nós temos todo o processo pronto para ter novos mosquitos”, explicou Luiz.

Os principais sintomas e mais comuns são o aparecimento de manchas vermelhas na pele no terceiro ou quarto dia, febre acima de 38º graus e bastante cansaço. “Vamos reforçar a importância dos cuidados que a população precisa ter com o quintal, manter limpo, cuidar vasos de plantas e locais que possam acumular água. Tem que cuidar dos detalhes, copos, sacolas plásticas, tampinhas, ralos, qualquer lugar pode ser um criadouro. Se sentir sintomas, procure um médico”, completou o coordenador.

Em caso de quintais sujos e terrenos baldios, o CCZ disponibiliza um WhatsApp exclusivo para denúncias, o número é 67 98468-8915. Para outras informações pode ligar no telefone fixo 3411-7753.

Quer contar alguma coisa? Então conta pro Notícias MS !

Se você tem alguma informação importante e quer compartilhar, conta pra nós!

Conta aí meu Povo:
WhatsApp (67) 98448-9787

Redes Sociais:
https://www.facebook.com/notims
https://www.instagram.com/noticiasms/

O sigilo é garantido pela lei, envie denúncias, reclamações e sugestões.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Previous Next
Close
Test Caption
Test Description goes like this