Com economia forte, Reinaldo Azambuja deixa governo com os três salários de fim de ano pagos antes do Natal

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
29/11/2022
Redação

Folhas de novembro, dezembro e 13° salário vão injetar mais de R$ 1,1 bilhão na economia

Pela primeira vez na história, os servidores públicos do Governo de Mato Grosso do Sul vão receber os salários de dezembro antes do Natal. A data do pagamento foi anunciada nesta terça-feira (29) pelo governador Reinaldo Azambuja: 23 de novembro de 2022.

Prestes a encerrar o segundo mandato, o governador preparou o calendário de pagamentos de fim de ano como um verdadeiro presente para o funcionalismo: o salário de novembro será pago em 1° de dezembro, a 2ª parcela do 13° estará na conta em 7 de dezembro e o pagamento de dezembro estará disponível para saque no dia 23 do mesmo mês, ou seja, será antecipado.

“Anunciar valores e datas é importante porque dá previsibilidade para os servidores e também para o comércio, que pode preparar medidas de benefícios. A opção de pagar o salário de dezembro antes do Natal é para que o servidor tenha condição de ter o salário antes das festas”, destacou Reinaldo Azambuja, pontuando, ainda, que não deixará nenhum restos a pagar para a nova gestão do Governo de Mato Grosso do Sul. “Quem vender, construir ou fornecer para o Estado, e tiver empenhado até 30 de dezembro, último dia útil do ano, vai receber”, completou.

Governador convocou coletiva de imprensa para falar dos pagamentos

Injeção na economia

As três últimas folhas de pagamento do ano serão quitadas pelo Estado em um intervalo de 23 dias. Somadas, elas representam injeção de R$ 1,1 bilhão na economia, em valores líquidos.

Conforme dados da SAD (Secretaria Estadual de Administração e Desburocratização), as listas de remunerações dos cerca de 85 mil servidores públicos terão desembolso de R$ 403,8 milhões (novembro), R$ 257,8 milhões (2ª parcela do 13º salário) e R$ 436,6 milhões (projetado para dezembro), todas em valores são líquidos.

A 1ª parcela do 13º foi paga em junho deste ano.

O setor do comércio e serviços comemorou o calendário de pagamentos dos servidores, com antecipação dos salários. Os presidentes da Fecomércio-MS (Federação do Comércio do Estado), Edison Araújo, e da ACICG (Associação Comercial e Industrial de Campo Grande), Renato Paniago, além do diretor de Operações do Sebrae, Tito Estanqueiro, elogiaram a medida.

“Ajuda a impulsionar o comércio e a geração de empregos”, afirmou Edison Araújo. “O calendário é uma demanda nossa e vai ajudar o comércio a se preparar para atender os clientes”, ressaltou Renato Paniago. “Feliz o Estado que tem um governador e um secretariado com esse objetivo de chegar no final de novembro e dar previsibilidade de quando os servidores vão receber”, completou Tito Estanqueiros.

Também participaram do anúncio do calendário de pagamentos do fim de ano os secretários Ana Nardes (Administração e Desburocratização), Sérgio de Paula (Casa Civil), Eduardo Rocha (Governo e Gestão Estratética), Luiz Renato Adler (Fazenda) e Flávio César (adjunto de Governo e Gestão Estratégica).

Bruno Chaves
Fotos: Chico Ribeiro

Quer contar alguma coisa? Então conta pro Notícias MS !

Se você tem alguma informação importante e quer compartilhar, conta pra nós!

Conta aí meu Povo:
WhatsApp (67) 98448-9787

Redes Sociais:
https://www.facebook.com/notims
https://www.instagram.com/noticiasms/

O sigilo é garantido pela lei, envie denúncias, reclamações e sugestões.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp