sexta-feira, 12 jul 2024

Criança sequestrada em Maracaju pode ter sido trazida para a cidade de Ponta Porã

Criança sequestrada em Maracaju pode ter sido trazida para a cidade de Ponta Porã

05 maio – 2023 | 12:12

Mãe biológica descumpre medida protetiva e ‘sequestra’ bebê de 1 ano em Maracaju.

O caso de descumprimento de medida protetiva e sequestro de um bebê identificado como Miguel Ignácio de apenas 1 ano e 6 meses ocorrido em Maracaju, no Mato Grosso do Sul, chamou a atenção da população e das autoridades policiais. Segundo informações, a mãe biológica da criança perdeu a guarda da mesma há cerca de 1 mês e meio por maus-tratos contra o bebê. Desde então, a tia ficou com a guarda da criança e, de acordo com o termo de medida protetiva, a mãe não pode ficar a 200 metros da criança.

No entanto, na tarde de quarta-feira (3), a mãe biológica do bebê foi até a casa da tia e pediu para ver a criança, caso contrário, ameaçou se matar. Com pena, a tia autorizou e deixou a jovem com a criança enquanto foi comprar fraldas. Ao retornar, a mulher e o bebê haviam sumido.

O Conselho Tutelar foi acionado e passou o restante da tarde procurando pelos dois, mas sem sucesso. Há boatos de que a mãe biológica tenha fugido para Bela Vista ou Ponta Porã onde a mãe Ellen Sabrina tem contato com um ex-namorado chamado Edson, cidades próximas a Maracaju.

Diante disso, é importante ressaltar a gravidade do descumprimento de medida protetiva e sequestro de crianças. É preciso que as pessoas se conscientizem de que a guarda de uma criança é uma responsabilidade muito séria e deve ser tratada com todo o cuidado e carinho que ela merece.

Além disso, é fundamental destacar que a guarda de uma criança não é um direito absoluto dos pais ou responsáveis legais. O bem-estar e a integridade física e psicológica da criança devem ser sempre colocados em primeiro lugar. Casos de maus-tratos ou abusos devem ser denunciados imediatamente às autoridades competentes para que medidas protetivas sejam tomadas.

É importante também salientar que o descumprimento de uma medida protetiva é uma violação grave de uma ordem judicial e pode acarretar em sanções penais e civis para o responsável. Portanto, é fundamental que as pessoas respeitem as medidas protetivas, tanto para a sua própria proteção quanto para a proteção da criança.

Por fim, é importante que a população esteja sempre atenta e denuncie qualquer suspeita de violação de medida protetiva ou sequestro de crianças. A proteção dos nossos pequenos é responsabilidade de todos.

Bebê de 1 ano e 6 meses foi levado pela mãe biológica que perdeu a guarda.

Compartilhe suas notícias conosco!
Possui informações relevantes? Estamos aqui para ouvi-lo!

Entre em contato:
WhatsApp: (67) 98448-9787

Nossas Redes Sociais:
Facebook
Instagram

Garantimos seu sigilo conforme a legislação. Envie-nos denúncias, reclamações e sugestões.
Sua voz é importante para nós!

Últimas Notícias