‘Deus é surdo?’: Pastor se irrita por ter que baixar o volume do som

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
12/05/2021
Redação
Irritado, ele disse que policiais são enviados do demônio e que não deveria ser preso, pois era um homem enviado por Deus

Na tarde de terça-feira (11), uma equipe da Polícia Militar foi acionada para atender ocorrência de perturbação de sossego em uma igreja evangélica, na cidade de Dourados.

Conforme o boletim de ocorrência, denunciantes relataram que o pastor, Keven Adams Leoncio Braga, 26 anos, teria feito um culto momentos antes com som alto. Os policiais foram até o endereço para orientar o homem, porém, foram recebidos com xingamentos e até mesmo agressões.

A princípio, ele foi orientado que, em um próximo culto, fosse mais comedido, porém, o acusado declarou em alto e bom som que gostava de fazer barulho nas suas pregações. Na ocasião, a PM apenas elaborou um boletim de atendimento por não ter sonorização no local.

Entretanto, por volta das 19h10, a guarnição foi acionada novamente e recebida pelo pastor com gritos, alegando que a equipe seria enviada pelo “maligno”, referindo-se ao demônio, e que teria liberdade para expulsar demônios ao redor da igreja com o uso de som alto.  No boletim consta ainda que o pastor teria alegado orar sempre para bandidos e pessoas de má conduta na sociedade.

Keven dizia ainda que não deveria ser detido e encaminhado para a delegacia por conta de ser um homem enviado por Deus.

O pastor foi informado que seria conduzido a Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (DEPAC) para prestar esclarecimentos sobre o caso, porém, resistiu e teve que ser levado no compartimento de transporte de segurança da viatura.

Na tentativa de colocá-lo no veículo, os policiais foram agredidos com chutes e tapas. Keven ainda tentou danificar a viatura no caminho para a delegacia, mas não conseguiu.

Quer contar alguma coisa? Então conta pro Notícias MS !

Se você tem alguma informação importante e quer compartilhar, conta pra nós!

Conta aí meu Povo:
WhatsApp (67) 98448-9787

Redes Sociais:
https://www.facebook.com/notims
https://www.instagram.com/noticiasms/

O sigilo é garantido pela lei, envie denúncias, reclamações e sugestões.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp