sexta-feira, 12 abr 2024

Dourados tem sinal verde para construção da Casa da Mulher Brasileira
Dourados

Dourados tem sinal verde para construção da Casa da Mulher Brasileira

Redação
13 dezembro – 2023 | 16:16

Governo Federal autorizou obra que será feita em terreno doado pela Prefeitura de Dourados

O MJSP (Ministério da Justiça e Segurança Pública) abriu processo licitatório para contratação de empresa que construirá a Casa da Mulher Brasileira em Dourados. A publicação saiu no Diário Oficial da União nesta terça-feira (12). A Prefeitura de Dourados é parceira do projeto e viabilizou a doação do terreno de aproximadamente 10 mil metros quadrados localizado nas proximidades do acesso à Rua dos Caiuás, às margens da Rodovia Perimetral Norte, onde será construída a Casa da Mulher Brasileira do município. A escolha do local onde será construída a Casa da Mulher Brasileira levou em conta a proximidade com a Reserva Indígena de Dourados, visando facilitar o acessa as mulheres da Aldeia . O investimento na construção é estimando em R$ 16 milhões.

A coordenadora de Políticas Públicas para Mulheres de Dourados, Andréia Bonito, esteve em Campo Grande visitando a unidade da Capital, para conhecer a logística de funcionamento do espaço, que é referência nacional no enfrentamento à violência contra a mulher e combate ao feminicídio. “Estive na Casa da Mulher Brasileira de Campo Grande, acompanhada da vereadora Liandra e da Assistente Social da Procuradoria da Mulher da Câmara Municipal, Piedra Santos. Foi uma visita muito importante e produtiva para entendermos a dinâmica do local, a logistíca necessária e também a equipe técnica que será necessária para a realização do atendimento e integração de vários serviços que são oferecidos para as mulheres vítimas de violência”, pontuou Andréia.

A Casa da Mulher Brasileira é uma inovação no atendimento humanizado às mulheres, integrando serviços especializados , acolhimento e acompanhamento psicossocial, além de contar com uma Delegacia Especializada para atendimento à Mulher , Juizado, IMOL – Perícia medica e Defensoria Pública, Encaminhamento para o mercado de trabalho, e servindo ainda como alojamento de passagem por até 48 horas .

Serão construídas mais 13 Casas da Mulher Brasileira no Brasil, ao custo de quase R$ 250 milhões. A iniciativa é realizada em parceria entre o Ministério da Justiça e Segurança Pública, por meio do Programa Nacional de Segurança com Cidadania (Pronasci 2), e o Ministério das Mulheres a partir do Programa Mulher Viver sem Violência. Além de Dourados (MS), as cidades contempladas são: Maceió (AL), Belém (PA), Maringá (PR), Porto Velho (RO), Serra (ES), Natal (RN), Cuiabá (MT), Rio de Janeiro (RJ), Florianópolis (SC), João Pessoa (PB), Recife (PE) e Porto Alegre (RS).

Compartilhe suas notícias conosco!
Possui informações relevantes? Estamos aqui para ouvi-lo!

Entre em contato:
WhatsApp: (67) 98448-9787

Nossas Redes Sociais:
Facebook
Instagram

Garantimos seu sigilo conforme a legislação. Envie-nos denúncias, reclamações e sugestões.
Sua voz é importante para nós!

Últimas Notícias