Em parceria com a Prefeitura, “Maio Laranja” tem encerramento com palestras para servidores e a comunidade em geral

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
01/06/2022
Redação

Ação ocorreu em dois momentos, contando com palestras esclarecedoras sobre o tema no período da tarde e também a noite.

Nesta terça-feira 31-05, marcando o encerramento das ações do “Maio Laranja”, fruto de uma parceria do Instituto Pequeno Cidadão, Câmara Municipal, Vereador Robert Ziemann e Deputado Estadual Herculano Borges, duas palestras foram realizadas na Câmara Municipal de Vereadores, sendo uma especialmente direcionada para os servidores públicos ligados à área da educação e assistência social e outra para a comunidade em geral.

O “Maio Laranja” é o mês de combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, fruto de uma Lei 5.118/2017 de autoria do Deputado Estadual Herculano Borges vigente há cinco anos, nascendo de uma preocupação do parlamentar com os números de violência sexual expostos no Disque 100, em Mato Grosso do Sul.

De acordo com Robert Ziemann, Presidente da Câmara e um dos idealizadores da ação, trata-se de um tema delicado, mas que é “preciso falar”, afinal sinais expostos pelas crianças e adolescentes são fundamentais para identificação de casos de abusos.

Trata-se de uma temática importante e que não podemos deixar de abordar, afinal milhares de crianças e adolescentes estão sofrendo em silêncio diante de um crime hediondo como este. Na maioria dos casos, o abusador é uma pessoa que a criança e o círculo familiar conhecem, por isso, não podemos permitir que a negligência se perpetue e devemos focar na proteção de nossas crianças que são o futuro de nossa nação.” Esclareceu Robert Ziemann que também é Padrinho do Instituto Pequeno Cidadão que apoiou a realização do evento e ainda abrilhantou com apresentação de balé, fruto de uma parceria com a Fundação Municipal de Cultura.

Presente no evento, Leiza Karen Barbosa, Secretária de Assistência Social enalteceu o evento e salientou a importância de ser debatida, cada vez mais esta temática.

O município conta com uma estrutura apta para atender nossas crianças e adolescentes, entretanto, eventos como estes, preparam e atualizam nossos servidores públicos de como agir diante de um caso real de abuso e exploração sexual de nossos menores. Quero parabenizar a iniciativa e destacar que a Secretaria de Assistência Social está à disposição da comunidade maracajuense, apoiar e ajudar aqueles que mais precisam é nossa meta.” Afirmou Leiza Karen Barbosa.

De acordo com o Deputado Estadual Herculano Borges, idealizador da Lei que institui o “Maio Laranja” no estado, falar sobre este tema é importante.

Muito bom estar em Maracaju e falar com toda a rede de proteção do município durante a tarde e a noite com os pais e as crianças, abordando a temática de acordo com o público. Temos que sempre ressaltar que em casos identificados, devemos denunciar através do Disque 100, Conselho Tutelar, Unidades de Saúde, CRAS, CREAS e a segurança pública. Este projeto nasceu em 2017 e está em todo o país, através da Ministra Damares que levou ao Ministério e está realizando em todo o país, inclusive a título de conhecimento, somente no ‘Maio Laranja’ deste ano, foram 600 prisões de agressores em todo o nosso país, por isso, trata-se de uma temática atual e que deve ser cada vez mais abordada.” Esclareceu Herculano Borges.

Durante os eventos, ocorreram importantes palestras com a Psicanalista Viviane Vaz do Projeto Nova, abordando sobre a temática e como identificar os sinais e o que é considerado abuso.

Nosso objetivo é realizar um trabalho preventivo e esclarecedor, não apontando o dedo e nem mexendo na ferida, temos que orientar nossas crianças sobre o que é o abuso e os adultos de como se atentar aos sinais. É importante ressaltarmos que muitos abusos acontecem, devido as crianças não saberem que aquele ato de abuso é considerado um crime hediondo, tendo o direito de pedir ajuda. Apenas 7% dos casos são alvo de denúncia e qual o motivo, além de medo, receio e outros, temos que salientar que muitas não tem o entendimento que estão sofrendo algo que é crime. Por isso, nosso objetivo é esclarecer e prevenir os casos.” Esclareceu Viviane Vaz.

Você sabe o que é considerado abuso?

–  Físico: Empurrar, chutar, amarrar, bater e etc.;
– Sexual: Expor a pornografia, tocar de forma maliciosa, tentar o ato sexual, exploração sexual;
– Moral: Negligenciar, caluniar, injuriar, difamar e abandonar;
– Psicológico: Humilhar, insultar, ameaçar e manipular.

Como identificar o abuso?

São características da vítima de abuso: Baixa Autoestima, dificuldade de aprendizado, agressividade, dificuldade de relacionamento, comportamentos erotizados, sentimentos como medo e culta.

Como denunciar:

Disque 100, Conselho Tutelar, Delegacias Especializadas, Unidades de Saúde, Posto Policial.

Prestigiaram o evento o Prefeito Marcos Calderan, Primeira-Dama Meire Calderan, Deputado Estadual Herculano Borges, Secretária de Assistência Social Leiza Karen Barbosa, Psicanalista Viviane Vaz do Projeto Nova, Secretária de Educação Carolina Souza, Presidente da Câmara Robert Ziemann, Coordenadora do Projeto Mirim e Psicóloga Kelly Moreira, Coordenadora do CREAS Ranilu Castro, Comandante da Polícia Militar Cleder Pereira da Silva, Deputado Estadual Herculano Borges, além de servidores da saúde, educação, estudantes e a comunidade em geral.

Quer contar alguma coisa? Então conta pro Notícias MS !

Se você tem alguma informação importante e quer compartilhar, conta pra nós!

Conta aí meu Povo:
WhatsApp (67) 98448-9787

Redes Sociais:
https://www.facebook.com/notims
https://www.instagram.com/noticiasms/

O sigilo é garantido pela lei, envie denúncias, reclamações e sugestões.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Previous Next
Close
Test Caption
Test Description goes like this