Em Sessão Ordinária Robert Ziemann apresenta o projeto de lei nº 016/2021 que reconhece como essencial, a atividade econômica exercida por restaurantes e estabelecimentos.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
23/06/2021
Redação

Nesta terça foi realizada a 20ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Maracaju que ocorreu de forma remota, em obediência ao Decreto Estadual 15.693.

No início da sessão os vereadores debateram sobre as denúncias feitas no município por aglomerações. Posicionaram na casa a defesa de que usam o legislativo para abster apenas cidadãos que não estão cumprindo o decreto de acordo com a lei.

A comissão do Covid-19 formada pelos vereadores Oseias Enfermeiro (Republicanos), Joãozinho Rocha (MDB) e Rener Barbosa (PSDB) estão à disposição de debater ideias e fornecer informações para os comerciantes de Maracaju. É importante para nosso município que todos sejam responsáveis e cumpram a prescrição ao decreto regulamentado pelo Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, evitando futuros casos para garantir que nós conquistemos o fim da pandemia o quanto antes.

O presidente do legislativo Robert Ziemann (PSDB) juntamente ao Vereador Joãozinho Rocha (MDB) apresentaram o projeto de lei nº 016/2021 que reconhece como essencial, no âmbito do Município de Maracaju, a atividade econômica exercida por restaurantes e estabelecimentos fornecedores de alimentos prontos para o consumo e de outras providências. De forma que obedeçam às condições e exigências estabelecidas nas normas sanitárias e de biossegurança determinadas pelo Ministério da Saúde e Secretaria Municipal de Saúde. Ficando proibidos de comercializarem bebidas alcóolicas e oferecer aos seus clientes entretenimento como música ao vivo e apresentação de shows.

O projeto, é de relevante interesse local. A abertura de forma organizada e com protocolos específicos, em nada prejudica as medidas de combate a COVID-19, à exemplo dos supermercados e demais atividades que também geram grande movimentação de pessoas.

A assembleia legislativa municipal fica responsável por implementar medidas de proteção da economia local. Devido ao fato que são um dos principais responsáveis pela geração de empregos em nossa cidade, é de suma importância manter a contratação desses trabalhadores.

Quer contar alguma coisa? Então conta pro Notícias MS !

Se você tem alguma informação importante e quer compartilhar, conta pra nós!

Conta aí meu Povo:
WhatsApp (67) 98448-9787

Redes Sociais:
https://www.facebook.com/notims
https://www.instagram.com/noticiasms/

O sigilo é garantido pela lei, envie denúncias, reclamações e sugestões.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp