quarta-feira, 17 abr 2024

Festival de Inverno de Bonito impulsiona cultura, economia e gera empregos
Cultura

Festival de Inverno de Bonito impulsiona cultura, economia e gera empregos

Redação
10 agosto – 2023 | 8:08

O Festival de Inverno de Bonito, será realizado de 23 a 27 de agosto, já impulsiona a economia local e tem previsão de gerar inúmeros empregos diretos e indiretos na cidade, que é considerada um dos melhores destinos de ecoturismo do Brasil.

Com mais de 100 restaurantes e bares, a previsão da Abrasel (Associação de Bares e Restaurantes) em Bonito é de criar aproximadamente 250 empregos temporários diretos, um aumento de 40% apenas no setor.

Sylvio acredita no sucesso do festival, que impulsiona a economia da cidade

“Normalmente, os bares e restaurantes empregam por volta 600 trabalhadores diretos, e até 2 mil indiretos, considerando os fornecedores. Para o Festival a previsão é de oferecer 250 vagas temporárias no período”, afirmou o chef Sylvio Trujillo, presidente da Abrasel Serra da Bodoquena.

O secretário municipal de Cultura de Bonito, Lelo Marchi, aponta que também serão gerados empregos para frentes de apoio na montagem e execução do Festival, além de movimentar a economia do comércio local.

“Este ano serão contratados auxiliares, que são pessoas da cidade, para atender os dias de eventos. É muito importante, e provoca o sentimento de pertencimento da população local, que passa a participar da construção efetiva do evento. Além disso, artesãos e artistas também são diretamente beneficiados com a ações voltadas a área cultural”.

Outra ação que será desenvolvida durante o Festival é a da “Roda de Negócios e Empreendedorismo para a Economia Criativa”, e no Espaço Gastronômico da festa. “Tudo isso movimenta a cidade e colabora de forma transversal. Na cultura teremos a participação de alunos de projetos de artes, com intervenções específicas na cidade. Além das crianças do grupo de balé municipal, que são alunas das escolas públicas. E ainda estudantes do ensino médio que vão estagiar no festival”, disse o secretário.

Durante os dias do Festival de Inverno de Bonito, artistas locais e também os chefes de cozinha – com apresentações de pratos típicos – serão prestigiados em várias ações e em diferentes espaços.

A artesã e produtora cultural Anelise Godoy, participou de edições anteriores do Festival e aguarda a atual com ansiedade. “Nas duas últimas edições realizamos o Balneário Cultural, com apresentação de mais de 25 artistas locais, em cada uma delas, no Balneário Municipal. Este ano o formato será diferente, pois todas as apresentações do festival são totalmente gratuitas e para entrar no balneário as pessoas pagam uma taxa”, esclareceu.

A união entre os artesãos e artistas locais é o ponto principal da preparação para o Festival. “No início do ano tivemos uma audiência pública e agora estamos esperando a formalização de tudo que ficou acordado. É importante salientar que o pessoal de Bonito está unido e fortalecido, todos os grupos e segmentos. O espaço é para todos”, disse Anelise.

Em 2022, Festival reuniu centenas de pessoas na primeira edição pós-pandemia (Chico Ribeiro)

Programação

A XXII edição do Festival de Inverno de Bonito 2023, que é uma realização do Governo de Mato Grosso do Sul, por meio da Fundação de Cultura, Sesc MS e Prefeitura de Bonito, traz para o Estado atrações nacionais e regionais.

As atrações principais são Fafá de Belém (dia 23), Paulinho Moska e Maria Gadú (24), Iza (25), Emicida (26) e Trio Parada Dura (27). Além dos shows musicais, a festa cultural irá contar com espetáculos, teatro, dança, circo, arte, tecnologia, interatividade, cenografia, atrações infantis e diversas atividades paralelas.

Outro foco do Festival de Inverno de Bonito 2023 é a valorização da participação da família, com a criação do Festival Bonitinho, com diversas atrações para a criançada como o “Mundo Bita”, no dia 25, sexta-feira, e “Palavra Cantada”, no sábado, 26.

E ainda o Corredor de Economia Criativa, com produtos oriundos de produtores de Mato Grosso do Sul, como gastronomia e artesanato.

O Festival de Inverno de Bonito foi pensado para valorizar a identidade cultural da população. “O Festival é um pouco do retrato daquilo que pensando e discutido pela comunidade, nas audiências públicas, pelas pessoas, para que a gente tenha um pouco o retrato da nossa cultura, um pouco daquilo que Mato Grosso do Sul tem nas suas diversas formas de manifestação e nos seus valores”, disse o governador Eduardo Riedel, na apresentação do evento, que aconteceu no dia 3 de agosto em Campo Grande.

Natalia Yahn
Foto de destaque: Paula Cayres

Compartilhe suas notícias conosco!
Possui informações relevantes? Estamos aqui para ouvi-lo!

Entre em contato:
WhatsApp: (67) 98448-9787

Nossas Redes Sociais:
Facebook
Instagram

Garantimos seu sigilo conforme a legislação. Envie-nos denúncias, reclamações e sugestões.
Sua voz é importante para nós!

Últimas Notícias