quinta-feira, 29 fev 2024

Fibra óptica da Infovia Digital do Governo começa a ser instalada na Capital

Fibra óptica da Infovia Digital do Governo começa a ser instalada na Capital

17 maio – 2023 | 13:13

A Infovia Digital começa a tomar forma com a instalação das primeiras redes de fibra óptica na Capital. O processo começou na última sexta-feira (12) e segue o cronograma estabelecido pela Parceria Público-Privada firmada entre o Governo do Estado e a Sonda. Equipes de mapeamento, pesquisa de campo e cabeamento continuam nas ruas da Capital e realizam as primeiras instalações do projeto.

O ritmo de implantação de toda rede segue acelerado: a média é de 8 quilômetros por dia, percorrendo ruas e avenidas da Capital até finalizar na interligação com os prédios públicos estaduais. Serão ao todo 300 quilômetros de fibra para a cobertura de 280 pontos, cinco praças com acesso wi-fi e oito pontos com monitoramento por câmeras de vídeo.  Na Capital as praças públicas selecionadas para disponibilizar wi-fi com acesso gratuito são: Parque do Sol, Praça do Peixe, Praça Bosque da Paz, Praça Recanto dos Pássaros e Praça República da Bolívia.

Na Capital, serão 300 km de fibra para a cobertura em 280 pontos e 5 praças.

Além do cabeamento da fibra óptica, a construção do COR (Centro de Operações de Rede), localizado no Parque dos Poderes, segue em plena execução com previsão de entrega até final de julho. Nele serão centralizadas a identificação e solução de eventuais incidentes da Infovia Digital, a integração dos diversos serviços agregados à rede (como os ramais IP, as praças públicas digitais e câmeras OCR).

O espaço controlará toda a infraestrutura da Infovia Digital e manterá a gestão de dados centralizada e integrada, garantindo segurança e confiabilidade, controle da capacidade de tráfego entre as unidades administrativas e modularidade para futuras expansões, conforme aumento de demanda.

 

Infovia Digital em MS

Ao todo, o contrato da Infovia Digital prevê a instalação de 7 mil quilômetros de rede de fibra em todo o Mato Grosso do Sul, disponibilizando serviços de transmissão de voz, imagem e dados por meio de rede própria de fibra óptica de alta capacidade e velocidade. Interligará 1.634 pontos de acesso do Governo, 15 mil ramais VOIP, wi-fi público em 129 praças públicas de todas as cidades do Estado, além câmeras de monitoramento remoto, auxiliando os serviços de segurança pública e socorro.

Secretarias, autarquias, fundações, escolas e universidades estaduais, agências fazendárias, hospitais regionais, estabelecimentos penais, delegacias de polícia, defensorias públicas e procuradorias dos 79 municípios de Mato Grosso do Sul terão transmissão de dados em alta velocidade e qualidade, ampliando o alcance de seus serviços.

O avanço digital engloba vários serviços, como o de telefonia. Todo o sistema do Governo será substituído por ramais VOIP, com conexão de fibra ótica. A proposta deve reduzir os custos com telefonia clássica do Estado, solução mais moderna e que possibilita integração com outras ferramentas dentro dessa rede. Em um futuro projeto de extensão, a rede poderá oferecer serviços de alta demanda de banda (videomonitoramento, diagnóstico de imagens médicas, ensino à distância).

Centro de Operações de Rede, localizado no Parque dos Poderes.

“O principal benefício da Infovia Digital é que todas as unidades do Governo serão interligadas com uma rede de dados de alta capacidade e velocidade. Na prática, como a rede é dedicada, teremos condição de montar uma intranet conectando todos os 1.634 pontos do Estado. Teremos uma integração de políticas públicas, segurança de sistemas, sistemas informatizados, melhorando a realidade atual de contratos fragmentados. O incentivo à conectividade do cidadão, oferta de segurança pública por meio do vídeo monitoramento com imagens centralizadas, em Campo Grande, com câmeras OCR de reconhecimento de placas de veículos são os principais benefícios do projeto”, avaliou Rédel Neres, diretor econômico-financeiro do Escritório de Parcerias Estratégicas do Governo do Estado.

De acordo com o coordenador técnico Thiago Buenano, da Sonda Infovia, empresa responsável pela implantação, a Infovia segue em direção a Sidrolândia, Maracaju e Dourados. “A malha externa em Campo Grande conta com 70 colaboradores envolvidos no projeto da Infovia. Acredito que em julho, iniciamos as atividades de backbone (rede de transporte) no sentido da Capital para Sidrolândia, seguindo o cronograma”, completou.

Ainda segundo o coordenador, o projeto também conta uma redundância da rede em, no mínimo, 50 municípios, evitando que algum rompimento comprometa a continuidade dos serviços.

Conclusão do projeto

A implantação da Infovia Digital deverá estar totalmente concluída até julho de 2024. O valor de investimento do contrato é de R$ 887 milhões, sendo R$ 306 milhões para a implantação da infraestrutura e R$ 581 milhões para operação e manutenção. O prazo do contrato é de 30 anos.

Compartilhe suas notícias conosco!
Possui informações relevantes? Estamos aqui para ouvi-lo!

Entre em contato:
WhatsApp: (67) 98448-9787

Nossas Redes Sociais:
Facebook
Instagram

Garantimos seu sigilo conforme a legislação. Envie-nos denúncias, reclamações e sugestões.
Sua voz é importante para nós!

Últimas Notícias