segunda-feira, 17 jun 2024

Fundo de Investimentos Culturais de MS tem prazo de inscrição prorrogado

Fundo de Investimentos Culturais de MS tem prazo de inscrição prorrogado

16 fevereiro – 2023 | 10:10

Foram prorrogadas as inscrições de projetos para o FIC-MS (Fundo de Investimentos Culturais de Mato Grosso do Sul). O edital está aberto desde 21 de dezembro de 2022 e finaliza no dia 03 de março, se você ainda não conseguiu se inscrever, baixe agora o edital aqui.

Este edital visa contemplar a produção cultural sul-mato-grossense, fomentando a criação e a difusão da produção artística em sua diversidade de manifestações, com prioridade para a formação e a circulação de bens culturais por todas as regiões do Estado de Mato Grosso do Sul, como forma de ampliar o acesso à formação de novos públicos e garantir o pleno exercício dos direitos culturais. O valor dos recursos será de R$ 8 milhões.

O valor máximo por projeto será de R$ 250 mil. Os projetos deverão ser encaminhados ao FIC/MS por via postal, carta com aviso de recebimento (AR) ou por SEDEX, com aviso de recebimento (AR). As inscrições devem ser apresentadas em formulário padrão, conforme modelo estabelecido pela FCMS-FIC/MS e disponível no site www.fundacaodecultura.ms.gov.br

Serão contemplados projetos nas áreas de Artes Cênicas (Teatro, Dança, Circo, Ópera); Artes Visuais (Plásticas, Gráficas, Fotografia, Mídias Digitais, Assemblage, Grafite, Video Arte, Desenho, Escultura, Colagem, Pintura, Instalação; Gravura: Litogravura, Xilogravura, Gravura em Metal e Congêneres), Design E Moda; Audiovisual; Artesanato; Livro, Leitura, Escrita, Literatura; Música; Patrimônio Cultural; Museus, Arquivo; Cultura Popular Tradicional, Contemporânea e de Rua; Capoeira; Gastronomia.

Projetos contemplados mudam realidades

 O FIC 2021 fez o repasse em novembro aos 68 proponentes que tiveram seus projetos aprovados, a animação Curupira do produtor audiovisual Gustavo Santana, de Fátima do Sul foi um desses projetos financiados.

O curta-metragem de animação Curupira visa mostrar mais da fauna e flora do Pantanal, a maior planície alagada do mundo e também alertar para os cuidados que essa área precisa. De uma forma lúdica, cheia de aventuras e ação a animação pretende trazer para todos os públicos essa lenda brasileira, muito difundida pela população da floresta e ribeirinhas.

O curta pretende ter 15 minutos de duração e será apresentado a escolas e também no Youtube. A fase de pré-produção do projeto já foi concluída, agora está em fase de animatic e em breve iniciará a animação propriamente dita.

Para Gustavo, o financiamento do FIC foi uma reviravolta na sua vida profissional. “O FIC no meu caso foi uma luz no fim do túnel, morando na periferia de uma cidade do interior do MS sonhar com uma oportunidade de produzir um filme é quase impossível se não um delírio, eu que há muitos anos sendo artista independente produzindo pra internet fazendo meus cursos e tentando me profissionalizar no que eu queria, mesmo muitas vezes não me dando retorno algum, tido essa oportunidade de mostrar meu trabalho e gerar empregos, contratando artistas e profissionais para o projeto me faz acreditar que por mais que o túnel parece ser impossível de ser passar você tem que estar preparado pois quando a oportunidade vier você fará o melhor. Creio que o FIC não foi somente uma grande oportunidade na minha vida, mas também de todos os artistas que compõem a equipe”.

Confira abaixo o novo cronograma do FIC

Ana Ostapenko, Fundação de Cultura

Compartilhe suas notícias conosco!
Possui informações relevantes? Estamos aqui para ouvi-lo!

Entre em contato:
WhatsApp: (67) 98448-9787

Nossas Redes Sociais:
Facebook
Instagram

Garantimos seu sigilo conforme a legislação. Envie-nos denúncias, reclamações e sugestões.
Sua voz é importante para nós!

Últimas Notícias