quarta-feira, 21 fev 2024

Fundo prevê R$ 1,5 bilhão em investimentos na infraestrutura de MS em 2024
Infraestrutura

Fundo prevê R$ 1,5 bilhão em investimentos na infraestrutura de MS em 2024

Redação
01 novembro – 2023 | 10:10

O Conselho de Administração do Fundersul (Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário do Estado de Mato Grosso do Sul) aprovou o Plano de Aplicação de Recursos para o ano de 2024, em reunião realizada nesta semana, na Seilog (Secretaria Estadual de Infraestrutura e Logística). A projeção é que o Fundo administre R$ 1,5 bilhão no ano que vem.

Do total de recursos previstos, R$ 388 milhões devem ser transferidos aos municípios. O restante ficará com a Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul), que aplica a maior parte do dinheiro em obras de pavimentação, restauração e manutenção de rodovias estaduais, assim como reformas e construções de pontes, tanto de madeira quanto de concreto. Uma outra fatia é destinada para obras de infraestrutura urbana, manutenção de equipamentos, fiscalização e contratação de projetos e estudos ambientais.

“Com a aprovação, o Plano de Aplicação de Recursos de 2024 será enviado para apreciação dos deputados estaduais, na Assembleia Legislativa, para ser avaliado e oficializado”, explicou o secretário Hélio Peluffo, da Seilog, que é integrante do Conselho de Administração do Fundersul.

Presidido pelo governador Eduardo Riedel, o Conselho de Administração ainda tem como membros os secretários Jaime Verruck, da Semadesc (Secretaria Estadual de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação), e Pedro Caravina, da Segov (Secretaria Estadual de Governo e Gestão Estratégica).

Também integram o grupo, o diretor-presidente da Agesul, Mauro Azambuja Rondon, e representantes do Sistema Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul), Sicadems (Sindicato das Indústrias de Frios, Carnes e Derivados do Estado), Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul) e Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul).

O Fundo é administrado por uma diretoria-executiva formada pelo secretário da Seilog, Hélio Peluffo, pelo diretor-presidente da Agesul, Mauro Azambuja Rondon, e por um membro indicado pelo Conselho de Administração, que atualmente é a secretária-adjunta da Seilog, Mirna Estela Torres.

Prestação de contas

Na reunião que aconteceu segunda-feira (30), o Conselho ainda aprovou a prestação de contas referente ao terceiro trimestre de 2023 e autorizou a primeira alteração do Plano de Aplicação de Recursos do Fundersul para o ano de 2023.

Até setembro deste ano, o Fundersul aplicou R$ 1,2 bilhão, conforme levantamento da Superintendência de Planejamento e Gestão de Obras Públicas da Seilog. Desse montante, R$ 301,2 milhões foram transferidos aos municípios, R$ 543,8 milhões foram utilizados em obras de pavimentação de rodovias, R$ 304,3 milhões destinados para obras de restauração e manutenção de rodovias e o restante para ações em pontes, projetos, licenciamentos ambientais e manutenção de equipamentos.

Bruno Chaves
Fotos: Chico Ribeiro

Compartilhe suas notícias conosco!
Possui informações relevantes? Estamos aqui para ouvi-lo!

Entre em contato:
WhatsApp: (67) 98448-9787

Nossas Redes Sociais:
Facebook
Instagram

Garantimos seu sigilo conforme a legislação. Envie-nos denúncias, reclamações e sugestões.
Sua voz é importante para nós!

Últimas Notícias