Governo do Estado inicia entrega de 15 mil toneladas de calcário a 76 aldeias indígenas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
03/05/2022
Redação

Um antigo sonho das comunidades indígenas começa a ser realizado pelo Governo do Estado, que é a entrega de calcário nas aldeias para melhorar a produção local, fazendo a correção do solo para o cultivo de feijão, milho e mandioca, entre outros. Estão sendo investidos R$ 5,3 milhões nesta ação, que vai beneficiar 76 aldeias de 26 municípios com a entrega de aproximadamente 15 mil toneladas do produto.

A primeira remessa foi entregue nesta segunda-feira (02), na aldeia Bororó, em Dourados. Foram 250 toneladas entregues em três carretas bitrens. Ao todo serão mil toneladas de calcário para Bororó e mais 1.250 toneladas para aldeia Jaguapiru, ambas em Dourados. “Muita satisfação em participar desta primeira entrega aqui na aldeia Bororó”, comentou o diretor-presidente da Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural), André Nogueira Borges.

André Borges, diretor-presidente da Agraer: apoio importante do Governo do Estado às comunidades indígenas

Ele ressaltou que é a primeira vez que as comunidades indígenas do Estado recebem calcário em grandes quantidades. Mais uma ação que faz parte do programa Proacin (Programa de Apoio às Comunidades Indígenas de MS).  “É mais uma iniciativa dentro do conjunto de ações realizadas pelo Governo para melhorar a qualidade de vida da população indígena do Estado. Este calcário vai melhorar a produção e a agricultura dentro das aldeias, corrigindo o solo”.

O cacique da aldeia Bororó, Reinaldo Arevalo, ressaltou que o calcário vai fortalecer a terra e melhorar a produção local. “Vai tornar a terra mais forte e assim ajudar na nossa agricultura que é de subsistência. Estamos ansiosos para iniciar esta plantação. Graças a Deus esta ajuda chegou”.

Já Ramon Fernandes, cacique da aldeia Jaguapiru, citou que as plantações de milho e mandioca ficarão mais fortes. “Agradecido e feliz por esta parceria com o Governo do Estado. Aqui o calcário fará a diferença”.

Esperança para comunidade                                          

Priscila Maciel Duarte, que faz parte do grupo de mulheres indígenas de plantação coletiva, afirmou que esta nova ajuda traz esperança para as aldeias, para que possam produzir melhor e ter alimentos de qualidade. “Este calcário vai melhorar a terra e assim nós vamos garantir o nosso sustento. Aqui mulher pega na enxada e ajuda na plantação”.

Leomar Silva, da Coordenadoria Indígena da aldeia Jaguapiru, ressaltou que na sua comunidade haverá a distribuição correta do calcário nas lavouras, assim como o suporte necessário para o preparo do solo. “Assim poderemos fazer uma boa colheita”.

 

Para o governador Reinaldo Azambuja este cuidado e parceria com as comunidades indígenas faz parte da atual gestão. “Temos investimentos em diferentes setores como repasse de sementes, maquinários, distribuição de cestas alimentares, assim como programas de educação e assistência social. Temos que retribuir por tudo que eles contribuíram para história e crescimento do Estado”.

Apoio

Além da entrega de calcário, o Governo do Estado tem uma série de ações e investimentos voltados aos povos indígenas de Mato Grosso do Sul. São atividades em diversos segmentos diferentes como educação, assistência social, segurança pública, habitação, esporte e lazer, em outras áreas de atuação.

Para contribuir com a agricultura familiar nas aldeias, o governo desenvolve o programa Proacin (Programa de Apoio às Comunidades Indígenas de MS), em execução desde 2015. Por meio dele são repassadas sementes de milho e feijão para as comunidades, assim como assistência técnica, conserto de tratores e compra de óleo diesel para as máquinas agrícolas.

Outra ação importante é no programa alimentar aos indígenas, com a distribuição mensal de 19.899 cestas básicas, que dispõe cada uma de 25 quilos, contendo por exemplo arroz, feijão, carne e mais 18 itens. Elas são repassadas para 83 aldeias em 27 municípios do Estado. Mais de 90% dos índios são atendidos.

Leonardo Rocha, Subcom
Fotos: Edemir Rodrigues

Quer contar alguma coisa? Então conta pro Notícias MS !

Se você tem alguma informação importante e quer compartilhar, conta pra nós!

Conta aí meu Povo:
WhatsApp (67) 98448-9787

Redes Sociais:
https://www.facebook.com/notims
https://www.instagram.com/noticiasms/

O sigilo é garantido pela lei, envie denúncias, reclamações e sugestões.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Previous Next
Close
Test Caption
Test Description goes like this