sexta-feira, 12 jul 2024

Mato Grosso do Sul tem queda no número de crimes violentos no primeiro semestre
Segunança

Mato Grosso do Sul tem queda no número de crimes violentos no primeiro semestre

Redação
17 julho – 2023 | 15:15

Levantamento da Sejusp (Secretaria de Justiça e Segurança Pública) demonstra queda nos números absolutos de ocorrências relativas ao cometimento de crimes violentos em Mato Grosso do Sul no período que compreende os meses de janeiro a junho de 2023.

Conforme o comparativo, o interior do Estado registrou uma redução de 21% nos crimes de roubo, 14% de crimes de homicídio doloso e uma redução superior a 66% nos números de feminicídio.

Para o secretário-Adjunto de Justiça e Segurança Pública, coronel Ary Carlos Barbosa, a redução dos crimes em números absolutos no Estado, Capital e Faixa de Fronteira demonstra de forma inequívoca o resultado da política de Segurança Pública praticada no Estado.

“É uma prática de sucesso e os frutos do bom investimento, capacitação, integração das Forças e o uso da inteligência policial para o exercício da atividade. Tivemos nos anos anteriores um grande investimento na Segurança Pública e os números aqui apresentados são os resultados desses investimentos e do uso de tais equipamentos para a consecução dos objetivos da Segurança Pública: dar à população a sensação de segurança no seu dia a dia”, avalia.

Roubos de veículos também redução neste primeiro semestre. Em todo Mato Grosso do Sul foi identificada queda de 21% neste tipo de crime, sendo que Campo Grande teve redução de 8,7%, interior -34,5%; e faixa de fronteira -32,7%.

Segundo a comandante-geral em exercício da Polícia Militar, coronel Neidy Barbosa Centurião, a redução dos índices de crimes violentos é fruto das ações práticas desenvolvidas por meio do Planejamento Estratégico da PMMS (Polícia Militar) estruturado de 2023 até 2026. “Com policiais militares devidamente capacitados, realizando o policiamento ostensivo e preventivo de qualidade e agregando valor a todas as demais áreas do Estado. A PMMS segue cumprindo a sua missão de melhor atender a população sul-mato-grossense”, destaca.

Na Capital, o comparativo aponta redução de 33% nos crimes de feminicídio; -13% de roubos e -10% nos crimes de furto. Já na Faixa de Fronteira foi identificada uma redução de 21% nos crimes de homicídio doloso; – 19% de roubo e – 32% de roubo a veículos.

Considerando todo o Estado, os números apontam uma grande redução nos crimes de feminicídio (-58%), roubo (-15,8%) e homicídio doloso (-11%).

A delegada titular da Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher), Elaine Benicasa, avalia que a a diminuição de feminicídios em Mato Grosso do Sul está ligada ao aumento contínuo de registro de Boletins de Ocorrência, desde 2015, na Casa da Mulher. Ela destaca, ainda, a importância do trabalho que vem sendo desenvolvido pela rede proteção.

“Todos os órgãos e entidades que compõem essa rede de proteção à mulher trabalham no sentido de estarmos cada vez mais fortalecidas também entre nós para que possamos levar da melhor forma possível informações quanto aos direitos, aos benefícios da lei e das políticas públicas. Ações preventivas, palestras em locais de trabalho, em escolas, programa de reeducação de agressores vinculados a alguns órgãos específicos. São várias frentes que a rede de proteção desenvolve que, com certeza, fazem diminuir os crimes de feminicídio porque a ligação direta do crime com relação ao registro do Boletim de Ocorrência, aliado a medida protetiva, faz o homem se sentir mais temeroso e intimidado a voltar a agredir, diminuindo o número de eventuais casos”.

Compartilhe suas notícias conosco!
Possui informações relevantes? Estamos aqui para ouvi-lo!

Entre em contato:
WhatsApp: (67) 98448-9787

Nossas Redes Sociais:
Facebook
Instagram

Garantimos seu sigilo conforme a legislação. Envie-nos denúncias, reclamações e sugestões.
Sua voz é importante para nós!

Últimas Notícias