MS Alfabetiza garante aprendizado para mais de 129 mil crianças em todo o Estado

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
25/10/2022
Redação

Alunos da pré escola ao dois primeiros anos do ensino fundamental da rede pública dos 79 municípios foram atendidas

Mais de 129 mil crianças sul-mato-grossenses foram atendidas no primeiro ano do Programa MS Alfabetiza – Todos pela Alfabetização da Criança. O objetivo é dar condições aos estudantes da pré-escola ao 2º ano do ensino fundamental, matriculados nas redes públicas do Estado, de terem o domínio da leitura e da escrita adequados à sua idade e ao seu nível de escolarização.

Estruturado em 2020, o projeto foi fundamental no período pós pandemia da Covid-19, que trouxe prejuízos ao aprendizado nas escolas.


Edna Barbosa, Alessandra Beker e Adélia Borges, da SED (Foto: Edemir Rodrigues)

“O Estado já estava estudando a implantação do programa em 2020, com a pandemia, tivemos que adiar o lançamento. Em outubro de 2021, nós conseguimos iniciar o programa que ajudou muito a recomposição da aprendizagem, junto com o nosso objetivo principal que é atender as crianças nesses processo de alfabetização”, contou Alessandra Beker, coordenadora de formação da Secretaria de Estado de Educação(SED) e diretora-presidente da Fadeb (Fundação de Apoio e Desenvolvimento à Educação Básica de Mato Grosso do Sul).

Na prática, por meio do regime de colaboração, os 79 municípios de Mato Grosso do Sul recebem o programa do Governo do Estado que disponibiliza o material didático complementar para alunos do 1º e 2º ano e para os professores. O Estado também promove a formação continuada dos professores que atuam no projeto, realizada pelos profissionais da Coordenadoria de Formação Continuada da SED.

“O material foi elaborado por equipes de professores da Rede Estadual e pensado na regionalização. Ou seja, temos obras de artistas sul-mato-grossenses que permitiram que suas autorias, como músicas e poemas se tornassem objeto de estudo para os alunos. Além disso, está presente todo o cenário da nossa fauna e flora, o que faz com que desperte ainda mais o interesse das crianças”, explicou Alessandra.

O material foi distribuído para mais de 81 mil alunos dos dois primeiros anos do ensino fundamental. Já as crianças da pré-escola, receberam o programa por meio da capacitação dos professores.

Neste primeiro ano de MS Alfabetiza, serão eleitas as 30 escolas com melhores rendimentos, que receberão premiação financeira para investir em mais recursos de aprendizagem.

A premiação também servirá como termômetro para as unidades escolares com menores desempenhos. “No mesmo escopo das melhores, o Estado vai investir mais recursos em escolas com baixo rendimento para que possamos adquirir mais materiais de fonte de aprendizagem, como também com apoio de professores e coordenadores das escolas melhores rankeadas no que se refere ao método de ensino”, completou.

Alessandra, Edna Célia Barbosa (coordenadora do MS Alfabetiza) e Adélia Borges (técnica do programa), se reuniram, nesta terça-feira (25), com o governador Reinaldo Azambuja para apresentar os ganhos neste um ano de programa.

“É importante saber que um programa do Estado alcançou todos os municípios de Mato Grosso do Sul dando a base da educação para as nossas crianças”, comemorou o governador.
Números do Programa em 2022
MS Alfabetiza já tem R$ 8 milhões garantidos no orçamento estadual de 2023 para continuar atuando com os municípios. Neste primeiro ano, o salto na qualidade de ensino para crianças que estão entre 5 a 7 anos de idade foi fundamental, principalmente pela defasagem causada na pandemia da Covid 19.
Neste primeiro ano de implantação, foram entregues 81.635 livros para alunos do 1º e 2º ano do ensino fundamental; 3.400 para os professores que atuam no programa; 4.469 professores formados, 129,8 mil estudantes atendidos; 79 bolsistas Coordenadores Municipais; 91 bolsistas Formadores Municipai e R$ 8,3 milhões investidos nas ações.

Quer contar alguma coisa? Então conta pro Notícias MS !

Se você tem alguma informação importante e quer compartilhar, conta pra nós!

Conta aí meu Povo:
WhatsApp (67) 98448-9787

Redes Sociais:
https://www.facebook.com/notims
https://www.instagram.com/noticiasms/

O sigilo é garantido pela lei, envie denúncias, reclamações e sugestões.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp