quarta-feira, 21 fev 2024

Na avaliação da Famasul, Agro+ promoverá competitividade do setor produtivo

Na avaliação da Famasul, Agro+ promoverá competitividade do setor produtivo

22 setembro – 2017 | 16:16

Programa foi lançado em MS com presença de lideranças nacionais

O Sistema Famasul participou, na noite dessa quinta-feira (21), da cerimônia de adesão do estado de Mato Grosso do Sul ao programa nacional Agro +, desenvolvido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), em Mato Grosso do Sul.

A solenidade aconteceu no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo, em Campo Grande, com a presença do ministro Blairo Maggi e do governador Reinaldo Azambuja.

O presidente do Sistema Famasul, Mauricio Saito, prestigiou o evento acompanhado do vice-presidente, Nilton Pickler; do diretor tesoureiro, Luis Alberto Moraes Novaes; e do superintendente do Senar/MS, Lucas Galvan.

Criado pelo Governo Federal com a finalidade de desburocratizar o agronegócio em âmbito nacional, o Agro Mais, para Mauricio Saito, promoverá a competitividade no setor produtivo.

“Mato Grosso do Sul é um estado com vocação agropecuária altamente elevada e que desenvolve um excelente trabalho da porteira para dentro. A partir do momento em que os agentes públicos, Governo Federal e Governo Estadual, promovem a desburocratização de processos, estão possibilitando que o que produzimos da porteira para dentro seja mais competitivo.”

Saito complementou ressaltando que toda evolução da agropecuária de Mato Grosso do Sul é resultado da significativa parceria entre os produtores rurais e a comunidade científica.

“Nosso maior exemplo está no homem pantaneiro que produz preservando 86,6% do bioma, demonstrando que, com acesso às tecnologias sustentáveis, o setor tem inovado e registrado resultados expressivos”, afirmou Saito pontuando a parceria das três unidades da Embrapa em Mato Grosso do Sul, assim como das Fundações de Pesquisa, Fundação MS e Fundação Chapadão.

Conforme apresentação do secretário executivo do Mapa, Eumar Novacki, o programa Agro Mais engloba um conjunto de providências que vão da edição e atualização de atos normativos, a mudanças na rotina de trabalho do Mapa.

“Em cinco anos, queremos passar de 5% para 10% a participação do Brasil no mercado internacional. Este é um plano de modernização e desburocratização”.

Novacki destacou, ainda, que a proposta do Ministério é desdobrar o Plano continuado “Agro Mais”, do Governo Federal, para os estados e municípios, com a proposta de tornar o tempo de resposta do Mapa ao setor mais célere.

O ministro Blairo Maggi contextualizou como o Brasil evoluiu nas últimas décadas em produção e produtividade e a necessidade do país de se preparar diante da previsão do aumento mundial da demanda por alimentos.

“O Brasil na questão da agricultura e pecuária cresceu, nos últimos anos, de forma impressionante e sabemos que irá crescer mais. Com esse cenário, é de extrema importância que as instituições se preparem para atender o que vem pela frente, tanto em questões de produção, quanto de normativas e burocracia.”

Já o secretário da Semagro, Jaime Verruck, apresentou medidas como, por exemplo, a implantação do Sistema de Controle Integrado de Animais Destinados a Eventos Pecuários (Ciade); cadastro e registro de agrotóxico; modernização do Sistema Integrado Saniagro; lançamento de novo sistema de informações gerenciais do Serviço de Inspeção Estadual (SIE); criação do Cadastro Ambiental Rural (CAR) e simplificação da publicação de solicitação e recebimento das licenças ambientais, entre outros.

Estiveram presentes no evento o Chefe-Geral da Embrapa Gado de Corte, Roney Mamed; o superintendente da SFA/MS, Celso Martins e o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad.

Fonte: Assessoria de Comunicação Sistema Famasul – Carla Gavilan

Compartilhe suas notícias conosco!
Possui informações relevantes? Estamos aqui para ouvi-lo!

Entre em contato:
WhatsApp: (67) 98448-9787

Nossas Redes Sociais:
Facebook
Instagram

Garantimos seu sigilo conforme a legislação. Envie-nos denúncias, reclamações e sugestões.
Sua voz é importante para nós!

Últimas Notícias