Para garantir mais segurança ao tráfego, Governo vai investir R$ 110 milhões na restauração da rodovia MS-040

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
24/11/2022
Redação

Com o objetivo de melhorar a infraestrutura e dar mais segurança ao tráfego, o Governo do Estado vai promover a restauração da MS-040, passando pelos municípios de Campo Grande, Ribas do Rio Pardo e Santa Rita do Pardo. Um dos trechos terá a extensão de 116,8 km, com investimento estimado de R$ 110 milhões.

A obra vai começar pelo Córrego Santa Terezinha (Santa Rita do Pardo) e passar pelas outras duas cidades. Segundo a Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos), além deste trecho, a rodovia vai contar com mais um lote de obras de restauração.

Foi publicado na quarta-feira (23), em Diário Oficial do Estado, o contrato para elaboração o projeto executivo (engenharia) para restauração dos 116,8 km da rodovia. Após a finalização do projeto, será lançada a licitação da obra física e posteriormente o início dos trabalhos na pista.

O objetivo do Governo do Estado é melhorar o tráfego da MS-040, com um trânsito mais seguro aos motoristas e melhores condições para escoamento da produção, em uma região que está em plena ascensão econômica, com a chegada de novas indústrias, entre elas a Suzano (fábrica de celulose) em Ribas do Rio Pardo.

Enquanto esta restauração não inicia, a Agesul mantém serviços constantes de manutenção na rodovia, para cobrir eventuais buracos que surjam na pista. Este trabalho preventivo tem intenção de evitar acidentes e prejuízos para quem trafega pelo trecho.

O Governo do Estado também está fazendo a obra de pavimentação do anel viário de Santa Rita do Pardo, que tem investimento de R$ 12,7 milhões. Este trecho da rodovia MS-338 vai passar pelo frigorífico Frigolon, em um percurso de 2,893 km do contorno viário da cidade.

Quer contar alguma coisa? Então conta pro Notícias MS !

Se você tem alguma informação importante e quer compartilhar, conta pra nós!

Conta aí meu Povo:
WhatsApp (67) 98448-9787

Redes Sociais:
https://www.facebook.com/notims
https://www.instagram.com/noticiasms/

O sigilo é garantido pela lei, envie denúncias, reclamações e sugestões.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp