Riedel foi o “arquiteto” da infraestrutura em MS nos últimos oito anos

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
30/08/2022
Redação

Ao lado de Tereza Cristina, o candidato ao Governo do Estado promete um salto de desenvolvimento

Mato Grosso do Sul é o estado que mais entrega investimentos para a população. Isso é fruto do trabalho de base realizado nos últimos sete anos e meio por Eduardo Riedel (PSDB) – candidato ao Governo de Mato Grosso do Sul pela Coligação Trabalhando por um Novo Futuro (Número 45).

Sob a sua batuta à frente das equipes estaduais de Governo e de Infraestrutura, o Mato Grosso do Sul se tornou o estado brasileiro com maior investimento per capita. Somente no primeiro semestre de 2022, foram R$ 1,09 bilhão, o que representa R$ 445,08 por habitante, mais do que qualquer outro estado brasileiro, segundo números do Tesouro Nacional.

As ações de Riedel levaram o Estado a ser o 7o em infraestrutura, o 6º em qualidade dos serviços de telecomunicações, o 6º em acesso à energia elétrica e o 7º estado em qualidade da energia elétrica. Entre 2015 e agosto deste ano, foram R$ 8.423.198.072,88 em investimentos.

Só em recursos para a construção de em pontes de concreto foram mais de R$ 211 milhões (que viabilizaram 134 pontes, sendo 109 concluídas e 25 em construção), além de R$ 1,3 bilhão em investimento em manutenção de rodovias; 1,1 mil km de rodovias implantadas e pavimentadas; 6,3 mil km de rodovias encascalhadas, sem contar os investimentos em infraestrutura urbana e saneamento básico nos municípios, que somaram mais de R$ 1,6 bilhão. Campo Grande, por sua vez, recebeu mais de R$ 857 milhões em obras no período.
“Esse dinheiro está no asfalto das rodovias e das ruas e avenidas, na entrega de casas e lotes urbanizados, reforma e ampliação de escolas, construção de hospitais e até mesmo onde não é possível ver a olho nu, como no caso das obras de saneamento básico. Ou seja, em obras estruturantes que preparam nosso Estado para o futuro. E faremos muito mais nos próximos anos”, diz Riedel.

O Estado colhe os frutos de um trabalho de planejamento e de medidas duras, como as reformas administrativa (reduzindo de 17 para nove as secretarias) e previdenciária e a implantação de um teto de gastos para todos os poderes. E foi Eduardo Riedel quem capitaneou este processo. “É o resultado de um trabalho que começou lá atrás, quando tomamos medidas duras, mas necessárias, para deixar o Estado de pé. Enfrentamos as dificuldades e fizemos as reformas estruturantes. Decidimos agir com responsabilidade. Temos uma das menores estruturas administrativas do País”, lembrou.

Parceira de Riedel na chapa, e candidata ao Senado, a ex-ministra do presidente Jair Bolsonaro, Tereza Cristina, diz que todas as conquistas que Riedel viabilizou na área da infraestrutura nos últimos anos serão ampliadas com sua ajuda no Congresso Nacional. “Vamos trabalhar juntos neste processo, para modernizar ainda mais o nosso Estado”.

Responsável por tocar as obras que modernizaram o Estado, ele destaca que as ações continuarão firmes. “Os investimentos em infraestrutura chegaram aos 79 municípios, melhorando a qualidade de vida da população sul-mato-grossense, com asfalto, saneamento básico, moradias, pavimentação de rodovias, construção de pontes de concreto que permitem ao Estado seguir avançando”.

PARCERIAS DE SUCESSO

Eduardo Riedel e Tereza Cristina destacam a importância da parceria com a iniciativa privada no desenvolvimento de Mato Grosso do Sul. Aliás, foi Riedel quem construiu Parcerias Público-Privadas de sucesso nos últimos anos, além de uma política de incentivos fiscais que tem atraído empreendimentos bilionários.

Por meio da PPP da Sanesul, a empresa Aegea vai universalizar, até 2031, o esgotamento sanitário dos 68 municípios atendimentos pela estatal, em um investimento de R$ 3,8 bilhões.

Já a Sonda do Brasil, por meio da PPP da Infovia Digital, vai implantar 7 mil quilômetros de fibra óptica aos 79 municípios do Estado e implementar internet em alta velocidade em 119 praças públicas. Com a parceria, a velocidade de transmissão de dados vai saltar de 4MBps para 30MBps.

Somado a tudo isso, Mato Grosso do Sul tem recebido investimentos privados bilionários como a unidade da chilena Arauco, em Inocência, e a da Suzano, em Ribas do Rio Pardo, que estão gerando milhares de empregos e renda. “E vem muito mais por aí. Vamos realizar um santo de desenvolvimento nos próximos anos”, concluiu Riedel.

Quer contar alguma coisa? Então conta pro Notícias MS !

Se você tem alguma informação importante e quer compartilhar, conta pra nós!

Conta aí meu Povo:
WhatsApp (67) 98448-9787

Redes Sociais:
https://www.facebook.com/notims
https://www.instagram.com/noticiasms/

O sigilo é garantido pela lei, envie denúncias, reclamações e sugestões.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp