timistas com o fim do ano, comércio e servidores aprovam pagamento antecipado dos salários do funcionalismo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
30/11/2022
Redação

A notícia da antecipação do salário de dezembro dos servidores do Governo do Estado para antes do Natal caiu como uma luva para os empresários do comércio de Mato Grosso do Sul. Representantes do setor comemoraram a medida que aquece a economia e gera oportunidades.

Conforme calendário divulgado pelo governador Reinaldo Azambuja, os salários de novembro dos cerca de 85 mil funcionários públicos serão pagos em 1° de dezembro. Já a segunda parcela do 13° estará na conta em 7 de dezembro. Por fim,  o pagamento referente ao último mês de trabalho do ano será feito antecipado,  no dia 23 do mesmo mês. Juntas, as três folhas salariais vão injetar R$ 1,1 bilhão na economia.

Edison Araújo, da Fecomércio-MS

“Estamos muito otimistas neste final de ano com esses recursos, tanto do setor público quanto do privado, porque estamos recuperando nossa economia”, afirmou o presidente da Fecomércio-MS (Federação do Comércio do Estado), Edison Araújo. “Esse dinheiro estará nos 79 municípios. Isso faz com que toda a economia e nosso desenvolvimento gire mais próximo do comércio”, completou.

Presidente da ACICG (Associação Comercial e Industrial de Campo Grande), Renato Paniago frisou que a antecipação é importante e atende o setor. “A gente pode se preparar e se prevenir para atender os clientes e melhorar os produtos e serviços. É uma demanda nossa, da classe empresarial, essa previsibilidade para que a gente possa cada vez mais se organizar e desenvolver nossos negócios”, disse.

O diretor de Operações do Sebrae, Tito Estanqueiro, também aprovou a medida. “Feliz o Estado que tem um governador e um secretariado com esse objetivo de chegar no final de novembro e dar previsibilidade de quando os servidores vão receber. Isso vai marcar a história do nosso Estado. Talvez nunca na história do nosso Estado alguém conseguiu deixar o Estado dessa maneira tão bem organizada”, falou.

Governador reuniu secretariado e representantes do comércio para anunciar calendário de pagamentos (Foto: Chico Ribeiro)

Quem também elogiou o calendário de fim de ano foi a presidente da Feserp-MS (Federação Sindical dos Servidores Públicos Estaduais e Municipais do Estado), Lílian Fernandes. “Primeiro veio em junho a antecipação de metade do 13° salário, que foi um pedido nosso. Agora, esse anúncio atende os servidores e o comércio para girar nossa economia. Recebemos com satisfação essa notícia. É um reconhecimento ao governador Reinaldo Azambuja, que nunca atrasou salários e vem cumprindo compromissos. Teremos um Natal melhor para todos”, pontuou.

Injeção na economia

As três últimas folhas de pagamento do ano serão quitadas pelo Estado em um intervalo de 23 dias. Somadas, elas representam injeção de R$ 1,1 bilhão na economia, em valores líquidos.

Conforme dados da SAD (Secretaria Estadual de Administração e Desburocratização), as listas de remunerações dos cerca de 85 mil servidores públicos terão desembolso de R$ 403,8 milhões (novembro), R$ 257,8 milhões (2ª parcela do 13º salário) e R$ 436,6 milhões (projetado para dezembro), todas em valores são líquidos.

A 1ª parcela do 13º foi paga em junho deste ano.

Bruno Chaves, Subcom
Foto destaque: Edemir Rodrigues

Quer contar alguma coisa? Então conta pro Notícias MS !

Se você tem alguma informação importante e quer compartilhar, conta pra nós!

Conta aí meu Povo:
WhatsApp (67) 98448-9787

Redes Sociais:
https://www.facebook.com/notims
https://www.instagram.com/noticiasms/

O sigilo é garantido pela lei, envie denúncias, reclamações e sugestões.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp