Zona Rural, Assentamentos, Aldeia e Vista Alegre contarão com transporte para votação nas Eleições 2022

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
28/09/2022
Assessoria Prefeitura de Maracaju

Iniciativa será válida para o 1º e para um eventual 2º Turno.

A Prefeitura de Maracaju vem a público informar que haverá transporte e funcionamento de linhas para as Eleições 2022 que serão realizadas neste domingo 02-10.

A iniciativa também terá validade em um eventual segundo turno.

Todas as linhas da Zona Rural iniciarão às 7 horas com previsão de retorno às 12 horas (meio dia), exceto a linha de Vista Alegre e também da Aldeia Sucuri’y.

CONFIRA O CRONOGRAMA

Vista Alegre (Escola Municipal Ciro Aniz)
– Saída do distrito às 7 horas e retorno às 9 horas;
– Saída do distrito às 12 horas e retorno às 14 horas;

Maracaju – Vista Alegre
– Saída de Maracaju às 9 horas e retorno às 12 horas;

Aldeia Sucuru’y
– Saída do Aldeia às 7 horas e retorno às 9 horas;
– Saída do Aldeia às 12 horas e retorno às 14 horas;

Escola Municipal Irma de Lima Matos votarão na Escola Estadual Padre Constantino de Monte

– Saída da Escola Irma de Lima Matos às 08 horas e retorno às 09:30 horas;
– Saída da Escola Irma de Lima Matos às 10 horas e retorno às 11:30 horas;
– Saída da Escola Irma de Lima Matos às 12 horas e retorno às 13:30 horas;
– Saída da Escola Irma de Lima Matos às 14 horas e retorno às 15:30 horas;

Pontos de Parada na Cidade

– Escola Municipal João Batista de Lino Braga
– Praça Nestor Pires Barbosa (Praça Central)
– Rodoviária Velha
– Estação Ferroviária

Confira o que é proibido fazer no dia da eleição:

É proibido tirar selfie na cabine de votação. A Lei Eleitoral (Lei 9.504/97) proíbe o eleitor de portar aparelho de celular, máquinas fotográficas e filmadoras na hora de entrar na cabine, com o objetivo de preservar o sigilo do voto e impedir a troca do voto por vantagem financeira, entre outros esquemas ilícitos.

– A pena prevista é de até dois anos de detenção;

A lei também proíbe pedidos de votos nas redes sociais, a chamada boca de urna. Tanto os candidatos quanto os eleitores ficam proibidos de fazer postagens no dia da eleição em seus perfis pessoais com o intuito de exercer influência perante o eleitorado.

Da mesma forma, é proibida a publicação de novos conteúdos com o intuito de promover candidatos, bem como o impulsionamento de uma postagem, prática que pode aumentar seu alcance original. A ressalva é para os conteúdos já publicados nos canais digitais.

– A pena prevista para estes dois crimes é de seis meses a um ano de detenção, além de multa.

É proibida a manifestação coletiva, com muitas pessoas usando uma vestimenta padronizada, o que caracterizaria propaganda irregular.

O que a lei permite:

. Uso de camiseta em apoio a determinada candidatura,
. uso de broches e bandeiras.
Em ambos os casos, o eleitor tem de estar sozinho e calado. Não pode discursar para pedir votos nem defender seu candidato.
. A lei permite até as 22 horas do dia que antecede o pleito, a distribuição de material gráfico, caminhada, carreata, passeata ou carro de som que transite pela cidade divulgando jingles ou mensagens de candidatos.
– É permitido levar para a cabine a chamada “cola” oferecida pela Justiça Eleitoral, com os números dos candidatos escolhidos.

CONFIRA O ITINERÁRIO COMPLETO AQUI.

Com informações da Justiça Eleitoral

Quer contar alguma coisa? Então conta pro Notícias MS !

Se você tem alguma informação importante e quer compartilhar, conta pra nós!

Conta aí meu Povo:
WhatsApp (67) 98448-9787

Redes Sociais:
https://www.facebook.com/notims
https://www.instagram.com/noticiasms/

O sigilo é garantido pela lei, envie denúncias, reclamações e sugestões.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp